quinta-feira, 30 de junho de 2011

Porque somos parecidos com os animais

Agora que ando de comboio todos os dias dou conta de certas situações comportamentais típicas de vidas citadinas. Primeiro são as filas. Julgava eu que as pessoas andavam de transportes públicos para fugirem às filas de trânsito mas estava redondamente enganado porque até para entrar no comboio se fazem filas. A rotina é tanta que as pessoas se alinham milimetricamente com as portas do comboio mesmo sem ele lá estar! E isto tudo só para poderem arranjar lugar sentado no interior da lata. E quem não respeitar esta imposição leva com um olhar de lado e um rosnar de aviso para não passar à frente de ninguém. Depois da entediante viagem, quando é anunciada a estação terminal, através daquela irritante voz de GPS, começa o ajuntamento perto das portas. Todos ao molho, a roçarem-se uns nos outros, como que a marcar o cheiro na pessoa do lado, com o olhar vazio, quiçá a pensar na merda de dia que se vai ter no trabalho ou no sítio paradisíaco onde se gostava de estar naquele momento. Prestes a sair do comboio a abarrotar, a pessoa que está á porta com o manípulo na mão torna-se o centro das atenções. Põe-se tudo a olhar para ele a pensar "abre essa porcaria, que já estou atrasado", mesmo que o comboio ainda esteja em andamento, parecendo o senhor do chapéu que dá o tiro de partida nas corridas de cavalos, nervoso, de gatilho na mão! E a multidão impaciente, com a perninha a tremer, o pezinho a chinelar à espera do "pip, tschhh" das portas. E eis então que lá vamos nós, qual manada a correr por essa pradaria fora diga-se, apeadeiro, antes de passarmos pelo checkpoint das cancelas que nos levarão à prisão laboral onde "pastaremos" o dia inteiro.

Este nervoso comportamento autómato irrita-me! Que saudades da vida do campo...

quarta-feira, 29 de junho de 2011

Guia de Patrulha

Oito militares em patrulhamento nocturno:

Condutor (a olhar para o retrovisor)- F***-se! Ainda agora começámos a patrulha e já está tudo a dormir!!
Geninho (comandante da patrulha, no lugar do pendura) - Eu sei o que isso é. Já fui condutor na tropa e era precisamente a mesma coisa. Tudo a dormir e o desgraçado do condutor, sem ninguém para lhe fazer companhia, a ter que conduzir a noite toda sem pregar olho! É dose!!
Condutor - Isso não é justo...
Geninho - Pois não. Mas eu usava um truque para me vingar que era fazer umas "travagens de emergência" de vez em quando para arrumar a casa! Eheheh...
Condutor - Isso não é má ideia!
Geninho - Não, não é. Mas põe os olhos na estrada  e deixa-te de tretas. Se precisares de companhia, acorda-me. E cuidado com as travagens...

terça-feira, 28 de junho de 2011

Poupem-me!

É o que diria a água se pudesse falar. Na semana passada fui "obrigado" a assistir a uma palestra sobre poupança de água que foi ministrada aqui no quartel por duas simpáticas delegadas da EPAL que demonstraram que afinal sou um ignorante no que toca aos assuntos que envolvem a água, a sua escassez e o quão preciosa é nos dias que correm e naqueles que virão. Não é que eu seja um esbanjador, até considero que tenho bons hábitos de poupança de água, mas pelo panorama mundial que nos foi apresentado só posso concluir que não basta olharmos para o nosso próprio umbigo ou pensarmos que enquanto tivermos "que se lixe!", pois a situação é bem mais grave do que se possa imaginar. Basta pensarmos no transtorno que nos causa uma falha no abastecimento de água durante apenas algumas horas. Estamos tão dependentes e habituados a ter este precioso líquido ao alcance de uma torneira que se de um momento para o outro ela nos falta, o pânico instala-se! Aqui têm algumas curiosidades que retive na palestra que acho interessante partilhar:

Litros de água necessários para se fabricar:
- Um copo de cerveja: 75Lts;
- Um hambúrguer: 2500Lts;
- 1Kg. de queijo: 2000Lts;
- Litros de água gastos num duche com água a correr durante 5min: 120Lts.
- Percentagem de água doce no planeta inteiro: 0,3%!

Outras curiosidades:
- Em 2008, Barcelona ficou sem água devido ao consumo excessivo e teve que ser abastecida por barcos cisterna durante várias semanas até que a situação ficasse regularizada;
- Actualmente, a França vive umas das piores secas de sempre;

Isto são apenas alguns exemplos generalizados do uso da água no mundo nas mais diversas tarefas. E é um exagero quando sabemos que em diversos países de África as mulheres têm que percorrer cerca de 25 Km diários a pé para irem buscar uns "míseros" 50Lts. de água que têm que dar para todas as tarefas como cozinhar, tomar banho, lavar, etc.

"Só entendemos o valor da água depois da fonte secar."

sábado, 25 de junho de 2011

Até me faltarem as forças

Qualquer decisão carece de ponderação, por mais fácil que nos possa parecer. Todas as decisões tomadas têm consequências, boas ou más. Lidar com essas consequências pode ser fácil ou um pesadelo. O sentimento de impotência perante determinadas situações pode ser encarado como cómodo ou como um ácido que nos corrói por dentro. A dor pode persistir ou atenuar-se até desaparecer. A paz de espírito quer-se duradoura embora saibamos que não é eterna e que terá momentos de inexistência. Expormos os sentimentos pode ser encarado como sinal de vulnerabilidade ou como sinal de força, de determinação, de convicções fortes. Ultrapassar certas situações pode revelar-se a maior luta das nossas vidas. Esta luta pode ser fácil ou quase impossível. Podemos sair desta luta incólumes ou feridos de morte. Se for este o caso, o tempo ajudará a curar as feridas. Escolhas...

"Abandonarei o muro das lamentações, vestirei a armadura e continuarei a luta pelos meus ideais, pela minha felicidade, por aqueles que amo..."

Desculpem a escrita telegráfica e aborrecida... Mas é assim que me sinto, temporariamente engasgado...

sexta-feira, 24 de junho de 2011

Pffff!

"Costumamos associar a nossa imagem ao nosso estado de espírito. Eu hoje visto umas calças rasgadas..."

Doces entes

Esta semana fui à festa da escola do meu rebento e assisti embevecido a uma das mais espontâneas manifestações de afecto e carinho que se pode ter porque não há ninguém mais genuíno do que as crianças!

A direcção da escola resolveu fazer uma espécie de baile de finalistas com direito a cerimónia de entrega de diplomas para os alunos do 4º ano que iriam transitar para outra escola. Antes que a professora começasse a falar, as crianças invadiram o palco e ofereceram à professora um álbum de fotos feito por eles com a frase: "com amor..."! Ora, inevitavelmente, este gesto originou um choro descontrolado e emocionado da professora que, por sua vez, originou um choro descontrolado de alguns alunos e tudo isto culminou com um abraço colectivo para celebrar o momento.

 Confesso que esta cena me deixou com a lágrima no canto do olho e me fez pensar que afinal, entre professores e alunos, ainda se conseguem construir verdadeiras relações de amizade, de respeito e de carinho. E questiono-me porque razão não há mais disto em vez das tão faladas agressões verbais e físicas entre uns e outros, das atitudes intempestivas dos pais de quererem tirar satisfações em prol dos "coitados" dos filhos e dos professores que se borrifam para os alunos desistindo deles porque não estão para se chatear (tive alguns assim).

Será que é justo culpar o mau sistema de ensino? Afinal, quem faz o sistema somos nós...
E é pena que as nossas crianças percam a doce inocência vada vez mais cedo...

terça-feira, 21 de junho de 2011

A dar cabeçadas no vazio

Para quem está habituado ao sedentarismo o melhor que lhe pode acontecer é darem-lhe um confortável sofá (de preferência com massajador), para descansar as já descansadas costas e pernas, e porem-lhe numa mão uma bebida fresquinha para combater o calor e na outra, o comando da TV.

Para quem tem uma vida activa, que é o meu caso, o pior que pode acontecer é darem-lhe as mesmíssimas coisas. Estar habituado ao serviço operacional e de um momento para o outro ver-me sentado numa secretária a mexer em papéis é o mesmo que estar habituado a andar de Porsche e depois ter que conduzir um 2 CV. O corpo estranha a cadeira, os olhos estranham os papéis, a música de fundo que sai do rádio dá-me sono, os telefones a tocar despertam-me, se me mexo tenho calor, se peço para ligar o ar condicionado dizem-me que depois fica frio... F***-se!! Não fui feito para isto!! Daqui a uns aninhos valentes quando estiver prestes a reformar-me sou eu que vou pedir para me porem num sítio destes. Agora, não dá. Preciso de acção, preciso de me sentir útil, preciso de estar constantemente a fazer alguma coisa que me ponha os neurónios a funcionar senão, acontece o inevitável! Fico em estado vegetativo a olhar para o computador, quiçá com a baba no canto da boca, os olhos a pesarem toneladas e o corpo a escorregar da cadeira!

Vou ter que improvisar. Talvez arranje maneira de treinar os dedos com uma caneta...


domingo, 19 de junho de 2011

Essencialmente lido em Lanzarote!

"Escrita simples, despretenciosa mas cativante que leva o leitor a viver plenamente a história até ir às lágrimas..."

"Não somos nós que encontramos os livros, os livros é que nos encontram. Um dia encontrou-me e fez-me reviver momentos memoráveis, sem os quais a minha vida seria outra. 20 anos depois. Por vezes levamos anos a fugir do futuro e a negar o óbvio... e depois há sempre a hipótese de chegarmos tarde demais. "

C. T.
25 de Agosto de 2010

Tu sabes valorizar as palavras que, delicadamente, verbalizas. E é tão bom ouvir-te, seja numa conversa informal ou em cima de um palco, quando dás corpo e alma às mais diversas personagens.

Obrigado por seres como és, por me ouvires, por me aturares quando preciso de uma palavra amiga, por me incentivares, pela tua sabedoria e sensatez, pela tua paciência. Obrigado por existires e por fazeres parte da minha vida...

Obrigado amiga...

sábado, 18 de junho de 2011

Back to Life!

Durante estes dias de clausura espiritual retomei um hábito que quero manter durante muito tempo.

Treinar o corpinho!!!!


É uma actividade que me faz falta porque durante a qual, entre um gemido de esforço e um suspiro de cansaço, tenho tempo para pensar, para reflectir, para me automotivar para enfrentar o que aí vem. Depois da dor do esforço vem a paz interior e isso para mim é fundamental.

A frase "Mente sã em corpo são" nunca me fez tanto sentido...

"Canso o corpo mas liberto a mente!"
-Geninho-

E vocês, treinam-se?

quarta-feira, 15 de junho de 2011

Durante uns dias...

"Porque, como em tudo na vida, há mudanças boas e outras que são para esquecer."



Voltarei com outro ânimo, com outra vontade, com outro espírito...

domingo, 12 de junho de 2011

A partir de amanhã...


Mas a história não acaba aqui.

Apenas começa um novo capítulo...

sábado, 11 de junho de 2011

Obrigado!

"Uma estrela, sem querer, influi na vida de um profundo ser
com o seu reluzir astro distante, a flamejar."
-Geninho-
(inspirado num inteligente desconhecido)

 
Dedicado a todos os que fazem a diferença na vida de alguém...

sexta-feira, 10 de junho de 2011

Serviço de Apoio ao Cidadão

Todos nós sabemos o que nos espera quando telefonamos para o serviço de apoio ao cliente de qualquer uma das redes móveis. Espera, música irritante, mais espera, reencaminhamento para um sem número de departamentos diferentes, mais espera e muitas das vezes telefonamos para esclarecermos uma dúvida e acabamos a chamada com três ou quatro! E porque mais uma vez, para variar, apanhei uma seca descomunal ao telefonar para o serviço de apoio ao cliente de uma conhecidíssima rede móvel, cheguei a desejar por momentos que o que se segue fosse passado com um dos irritantes operadores que me deram o desprazer de ouvir a sua voz:

Geninho - Muito boa noite, GNR em Cascalheira, fala o Senhor Geninho em que posso ser útiiiillll??
Cidadão (a sussurrar) - Rua das Flores, n.º 13. Venham depressa que estão a assaltar-me a casa!!
Geninho - Tenho o prazer de estar a falar com???
Cidadão (ainda a sussurrar) - O quê?? Errr, sou o Martinho. Venham depressa, ca****o. Tão aqui dois gajos a entrar pela janela!!
Geninho - Muito boa noite Sr. Martinho. Em que posso ajudar??
Cidadão - F***-se!! Você é surdo ou quê??!! Tenho aqui dois gajos a assaltarem-me a casa m**da!! Mande cá alguém!!
Geninho - Muito bem Sr. Martinho. Mantenha-se calmo! A sua casa é uma moradia ou é apartamento??
Cidadão (já a falar alto pa c*****o) - Hããã??? Você tá a brincar ou quê?
Geninho - Não Sr. Martinho! Eu tenho que saber que tipo de casa é a sua para saber o tipo de patrulha que vou mandar ao local!
Cidadão - É uma moradia c*****o!! Já me estão a limpar os sofás!!!
Geninho - Mas este é o departamento de apartamentos. Aguarde um momento por favor. Vou transferir a chamada para o departamento de moradias.
Cidadão (a levar com a música de espera) - Aiii! Já me levaram o plasma!! Estou?!!
Outro Geninho - Boa noite Sr. Martinho! Recebi a informação que a sua moradia está a ser assaltada. Em que posso ajudar???
Cidadão (já a desesperar, é claro) - Oh seu ganda b**! Já me limparam a sala de estar toda e eu...
Geninho - A sala? Mas o Sr. está a falar para o departamento de moradias mas da zona da cozinha. Só um pouco que eu vou transferir a chamada!
Cidadão - Mas... ( a levar outra vez com a música de espera). F***-se lá se foram os móveis!!
Mais um Geninho - Boa noite Sr. Martinho! A sua sala está a ser esvaziada não é assim? Muito bem. Eu tenho uma patrulha disponível amanhã entre as 15H00 e as 19H00. Está disponivel a essa hora??
Cidadão - Dísponivel os col**es! Ai, meu Deus! Eles já me ouviram!! Estão atrás de mim!!!!!! Socooorrooo!!!!!
Geninho - Os bandidos estão atrás de si? Muito bem. Quantos é que são?
Cidadão (a correr pela casa) - São doooooiiiisssss, c*****ooooo! Socorrooooooo!!!
Geninho - Só mais uma informação Sr. Martinho. Eles estão encapuzados e usam luvas, ou não???
Cidadão - Têêêmmmmm gorrooooooss!!!
Geninho - Ahhh, seu malandro. O Sr. enganou-se! Este departamento é o das meias de vidro enfiadas na cabeça. Continue a correr! Vou transferir a chamada!!
Cidadão - Socoorroo. Ahhhhhhrrrhgggh!!!
Mais outro Geninho - Boa noite Sr. Martinho, em que posso ajudar?? Sr. Martinho?? Sr. Martinho??Está a ouvir-me??
Cidadão - tuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu.
Geninho (para o primeiro Geninho que atendeu) - Vê lá se começas a filtrar melhor as chamadas. Este deixou-me pendurado! Que falta de educação...

Era lindo, não era?

quinta-feira, 9 de junho de 2011

Dás-me um?

Este é um daqueles eventos que devia ter lugar todos os dias. É um gesto que devia ser praticado mais vezes, por mim, por ti, por todos nós! Um simples gesto que conforta, dá abrigo, que desperta um sorriso, afecto, carinho. Para dar a qualquer um, a qualquer hora, em qualquer lugar!


"No teu abraço sinto paz,
 no calor do teu afecto
largo a tristeza, que se desfaz.
Liberta-me das grilhetas da vida
das angústias diárias,
da força sumida!
Renasço em ti a cada segundo,
por mim, por ti,
meu Mundo!"

-Geninho-

quarta-feira, 8 de junho de 2011

Encruzilhado...


"Difíceis são os caminhos que, tortuosos, te fazem querer recuar. Mas a viagem será fácil se aceitares que não há destino certo, que o farás à medida que fores caminhando." 
-Geninho-
?

terça-feira, 7 de junho de 2011

Vidas destroçadas!

Não percebo muito bem o que é que se tem passado aqui na terrinha ultimamente. Em três dias tivemos cinco casos de violência doméstica, qual deles o pior! Não tratei de todas as situações pessoalmente mas num dos casos recebi a denúncia feita pelo filho e lidei com a vítima horas depois da violenta agressão...

Acabado de entrar de serviço recebo o jovem a pedir ajuda porque a mãe acabava de ser agredida pelo pai. Tudo nele espelhava medo, desespero, angústia, impotência e tristeza. Uma profunda tristeza...

De manhã, depois de ser internada na sequência das agressões, recebo a vítima. No seu olhar vi horrores de continuadas agressões físicas e verbais, de marcas que ficarão para a o resto da sua vida já destroçada...

Entre estes dois momentos não pôde faltar a presença do agressor que, embriagado, me contou os motivos que o levaram a cometer tal acto. Apesar de não encontrar justificação, não devo questionar os seus motivos, não devo julgá-lo, nem fazer juízos de valor em relação à sua personalidade pois no meu trabalho devemos ser imparciais em qualquer situação. E também ele, um dia, pode ser uma vítima... (têm aqui a explicação de uma outra experiência que tive no ano passado).

Ninguém nos prepara a nós, Geninhos, para lidar com isto. É impossível ficar indiferente a estas situações de vidas perdidas, de vidas que não são mais do que uma sombra, uma ilusão, impregnadas de falsas esperanças, ávidas por um amor que nunca virá. Um amor que destrói, um amor mascarado de ódio e de sofrimento, um monstro que as perseguirá para onde quer que vão...


Para todas as VÍTIMAS!

Nunca desistam de serem felizes!


domingo, 5 de junho de 2011

Team HOYT!

O conceito de herói está intimamente ligado a personagens com poderes sobrenaturais que conseguem fazer o inimaginável mas todos sabemos que isso não passa de ficção. Porém, no mundo real, os verdadeiros heróis são os que transformam o impossível em possível e, sem poderes especiais, são ainda mais valiosos. Os que se superam, os que superam quaisquer obstáculos que a vida lhes coloca pela frente provam que a demonstração de força física é insignificante perante o que um espírito resoluto, determinado e altruísta consegue alcançar. Mas quando se juntam as duas a um amor imenso, então sim, tudo se torna ainda mais especial. Vale mesmo a pena ver até ao fim. Uma lição de vida para nunca esquecermos que a força está cá, só temos que estar dispostos a mostrá-la!






"[...] Dai-me, Senhor, o que Vos resta
 Dai-me o que os outros não querem.
Mas dai-me também a coragem
E a força e a fé..."

sexta-feira, 3 de junho de 2011

10 Coisas de que Gosto!

Não sou muito dado a "blogoquestionários" mas este chamou-me a atenção pelo facto de incluir fotografias que ilustram o que mais gostamos. Sendo eu um apaixonado pela fotografia pedi-lhe, (com jeitinho) para responder a este. Algumas das fotos são da minha autoria, por isso desafio-vos a dizer quais (não é difícil)!                                  
                                                                                    
RIR

                                     
REPRESENTAR



  UM OLHAR PROFUNDO E SINCERO


ESCREVER

BEIJAR



AMAR QUEM ME AMA


 VIAJAR



FOTOGRAFAR



CONVERSAR


AJUDAR


E claro, música!
 Música com boa onda!


quinta-feira, 2 de junho de 2011

Perdidos

Um homem, aparentemente perdido e que voava de balão , avista-me e aproxima-se. Depois grita lá de cima:

Ele - Pode ajudar-me? Fiquei de me encontrar às duas da tarde com um amigo, já estou meia hora atrasado e não sei onde estou.
Eu (pondo em prática alguns dos meus vastos conhecimentos de Geografia) - Claro que sim! O senhor está num balão, a 20 metros de altura, algures entre as latitudes de 40 e 43 graus norte e as longitudes 7 e 9 graus oeste.
Ele - Você é da GNR, não é?
Eu - Sou sim senhor! Como é que adivinhou?
Ele - Muito fácil! O que me disse está tecnicamente correcto mas é inútil na prática. Continuo perdido e vou chegar tarde ao encontro porque não sei o que fazer com a sua informação...
Eu (utilizando toda a minha argúcia e perspicácia)! - Ah! Então você é socialista!
Ele - Sou! Como é que descobriu?
Eu (usando os meus peculiares dotes de investigação para concluir o que o Governo não consegue desde que chegou ao poder!) - Muito fácil: porque você não sabe onde está nem para onde vai, assumiu um compromisso que não vai poder cumprir e está à espera de alguém que lhe resolva o problema. Com efeito, está exactamente na mesma situação em que estava antes de me encontrar só que agora, por uma estranha razão, a culpa é minha!...



Adivinhem quem era o "cromo"...

quarta-feira, 1 de junho de 2011

Para ti!

Como um pequeno anjo, na tua inocência, sorris, brincas, choras, cantas, danças, representas, mimas e és mimada! Mimada porque te amo, porque te quero bem, porque ver-te feliz é quanto basta para me encher a alma! Todos os dias são uma novidade de surpresas que me deliciam e que me fazem sentir um orgulho enorme. Cada tontaria tua, cada birra, cada gesto de teimosia, são sinais de personalidade forte e vincada á qual espero conseguir dar as bases para que triunfes na vida mas essencialmente, para que sejas feliz!!


O meu amor incondicional!

Feliz dia da Criança!